segunda-feira, 19 de junho de 2017

[AÇÃO GAMES 007] ROBOCOP 2 (NES)



Uma coisa que eu gosto dos filmes do Robotira é que eles sempre tem como tema uma metafora para o status quo da sociedade americana em sua época. O primeiro filme é sobre o choque que as pessoas tem ao descobrirem que as grandes corporações podem muito bem fazer qualquer coisa (isso não era tão óbvio nos anos 70) e a violencia urbana desenfreada (até o começo dos anos 90 os EUA almejavam se tornar o que o Brasil é hoje no quesito "perigo de sair na rua"). O segundo filme é sobre a paranoia anti-drogas que tomou conta do país e o filme de 2014 é sobre politicamente correto e essa coisa de todo mundo ter opinião sobre tudo. Honestamente eu não lembro nada do terceiro filme exceto que ele voa e tem robos-ninja, não faço ideia do que isso possa ser uma metáfora.

De qualquer forma a Ocean criou uma sequencia para um dos piores jogos do NES e por incrível que pareça, eles se superaram: Robocop 2 consegue ser pior ainda. Eu não sabia sequer que isso era possível, mas eles conseguiram. 10 horas de parabains para todos os envolvidos.

Então, como você estraga uma coisa que já é muito ruim? Vejamos...


Vamos começar do começo: Robotira tem os melhores 10 segundos iniciais da história do NES. A tela titulo é foda pra caralho e o personagem na tela é enorme e muito detalhado para um videogame de 8 bits. Sério, saca só isso:

 PUTAQUEPAREO É ASSIM QUE SE FAZ UMA TELA DE TÍTULO, MEU POVO! QUE COISA LINDA! OCEAN ME ENGRAVIDA!

E olha a quantidade de detalhe que esse personagem tem:


Impressionante para um Nintendinho, né?

Pois é, pena que as coisas boas do jogo acabam por aí.

Verdade seja dita, o jogo tem boas ideias. É um joguinho de plataforma que o Robopuliça não tem só que meter bala em tudo que se mexe mas fazer as vezes de homem da lei também. Ou seja, prender (e não fuzilar) quem não reage com força letal e destruir dorgas no caminho. Bastante engenhoso, né?

Bem, sim... mas você deveria desconfiar de qualquer boa intenção vinda dos caras que deseharam esse manual de instruções:


MASOQUE?!? O QUE QUE TA ACONTE SENO1?!?!!111?


Tamerda, viu... e de fato, tirando o bom detalhamento do personagem logo que seus olhos se acostumam você vê que o jogo tem vários problemas gráficos hediondos. Como sua paleta de cores muito infeliz que alterna entre tons de vomito e rosa pink just because e o fato que o nosso herói é do tamanho de um hidrante... masheimbe?

Te juro que esse hidrante não tem outra função no jogo a não ser parecer gigante.
Pontos extras pelo cara tentando chutar um robo no saco, contudo.

Eu sei que não se deve julgar um jogo de NES pelos gráficos, mas isso não pode ser sinal de coisa boa.

E aí você começa a jogar e vê que as escolhas infelizes da Ocean na parte visual são o menor dos problemas do jogo. Oh boy, la vamos nós então...



Para começar, o  manual diz que você tem que pegar pelo 60% das DORGAS largadas pelo cenário e prender pelo menos 60% dos bandidos prendíveis. Esse último é fácil encontrar, toca um apito quando ele entra na tela e ele não atira em você, você só precisa encostar nele. Até aqui sem problema. O real problema é pegar as DORGAS, porque existem caminhos a se escolher e a tela não volta. Uma coisa boa é que o manual diz que nada é aleatório e uma vez que voce aprendeu o caminho, já sabe o que fazer.

Robocop odeia tanto as drogas que ele... juntou
um saco de papel do chão? O que isso deveria
representar?
Ok, só que tem um problema... eu aprendi o caminho, fui pelas rotas que tinham mais DORGAS a serem ROBOPISOTEADAS e... no fim da fase deu menos de 30% das dorgas apreendidas. Espera, oque? Eu tenho certeza que fiz o melhor caminho possível, mas por garantia tentei de novo... necas, 30% de dorgas apenas.

Depois do terceiro fracasso eu desisti e fui ver um video no Youtube, sabe o que eu descobri? Que para pegar 60% das dorgas como o jogo pede você tem que entrar numa passagem secreta que é apertar para baixo em uma parte completamente aleatória da fase. Quer dizer, depois que você já fez até sabe o que procurar mas até descobrir você tem que apertar para baixo na fase toda! E você sequer sabe que precisa ficar apertando pra baixo! Puta merda!

E sabe o que é pior? Em toda fase impar o processo se repete, e você não sabe qual a "passagem secreta" que tem que procurar para conseguir completar a fase. As vezes é apertar para baixo num lugar especifico, as vezes é cair num buraco que não difere nada de qualquer outro buraco que te mata no jogo.

É de uma aleatoriedade que empalidece os criadores de Castlevania 2!

Puta merda em chamas!

Caso não tenha ficado claro o bastante a esse ponto,
o manual reforça o que Robocop pensa sobre
sacolinhas do Walmart

Se você não conseguir os 60% de dorgas você tem uma segunda chance, que é fazer uma fase de tiro que é tão dificil e rápida que se você não entrou no mínimo nas quartas de finais da copa do mundo de Counter Strike nem se incomode em tentar!

Se você falhar na galeria de tiro tem apenas que começar a fase de novo! Só isso!

Foder gostosinho cês não querem, né?

Tamerda mesmo... e sabe o que é pior? Quer dizer, mais do que isso tudo? Que controlar o robotira é horrível. Ele precisa pegar embalo para conseguir pular só que quando embala essa besta de metal não para mais! Imagina tipo Psycho Fox só que o jogo todo é uma fase de gelo! É absurdo isso, é hediondo de tão ruim!

O pior ainda, se é que isso é possível, é que lendo o manual você descobre que isso foi intencional para "representar a massividade do robopuliça".Mas caguem arroxeado, vocês sequer viram o filme, seus sacripantas energumenos? Porque me digam onde está a cena em que o Robocop tem que embalar para conseguir pular e fica deslizando sem controle depois! Puta merda, acho que ele sequer consegue correr no filme! ARGH QUAL É O PROBLEMA DE VOCÊS?


Eu só queria saber isso, de verdade.

Enfim, para coroar com um milho no topo o bolo de merda que é esse jogo, depois de muitas fases de level design aleatório e controles muito ruins, tem a piece de resistance que é a batalha com o chefe final. Você enfrenta o robo loucão de dorgas do final do filme numa batalha que não tem nada de especial, aí você derrota ele e aparece uma mensagem dizendo que ele caiu do terraço mas continua loucão do mal, então você tem que persegui-lo e terminar o serviço.


Ok, um tanto inesperado, mas suponho que agora vou enfrentar ele em outra forma e ...

... e ...



... MAS PUTA QUE  ME PARIU DE DANONINHO, É EXATAMENTE A MESMA BATALHA! A MESMA, SEM ABSOLUTAMENTE NADA DE DIFERENTE! Eu não acredito que vocês acham que só porque tem uma tela de texto idiota eu não vou perceber que vocês repetiram a mesma batalha anterior!

Mas tá, derrotei ele, finalmente. Agora só falta aparecer outra tela de texto idiota e eu ter que PELA TERCEIRA VEZ...



... que ...


Estou apenas te zoando, é claro que é isso:


Eu não sei mais o que dizer, apenas sentir.




... isso é mais do que eu posso aguentar. Pra mim chega.


Nenhum comentário:

Postar um comentário